26/05/2007

Lisboa

Água no Parque das Nações


Praça do Comércio

















Castelo de S. Jorge - Monumento das Descobertas


















Belem e Mosteiro dos Jerónimos











Oceanário de Lisboa - Torre de Belem


Lisboa musa encantada
De beleza sem par
Pelos poetas cantada
E do Tejo és o Lar
Tuas colinas o Tejo abraçam
Que as beija sem parar !





Rosa dourada

22 comentários:

pitanga disse...

Ai que nem te conto! Esta primeira foto lembra-me a vez que o rapaz levou um tombo porque escorregou ao passar por baixo da cascata. Bateu com o nariz no chão o foi ver o jogo Portugal e Estônia com o rosto inchado...ih faz tempo isso!

beijos

Maria disse...

Lindas estas fotografias de Lisboa...

Bom fim-de-semana
Beijo

luna e neptuno disse...

Lisboa capital
poesia, flor
Luz de portugal

bonitas fotos, bem escolhidas
beijos

MARIA VALADAS disse...

Os meus Parabens..Rosa dourada pela lindas fotografias!

Ainda hoje passei por alguns lugares...e sinceramente, achei mais bonito aqui em fotografia!

Bom Domingo, linda rosa dourada.

Beijinhos da

Maria

bom dia isabel disse...

Lisboa muito bem divulgada. Estarei lá esta sremana.
Beijinhos

Kalinka disse...

Olá
descobri-te hoje na blogoesfera.
Cá estou a visitar-te pela 1ª vez e fiquei encantada com as imagens de Lisboa, cidade que estou toda a semana de 2ª até 6ª feira, onde trabalho, passeio e adoro.

Celebrei os dons da terra e misturei-me com os sons do mundo sem coisa alguma...fui durante 4 dias de mini-férias para o Alentejo profundo.
Comecei por Estremoz e fui em seguida para Évora e daí em diante.

Pelo kalinka poderás ler sobre o meu «Même»:
"Para ser grande, sê inteiro:
nada Teu exagera ou exclui.
Sê todo em cada coisa.
Põe quanto és
No mínimo que fazes.
Assim, em cada lago a LUA toda
Brilha, porque alta vive.
"Ricardo Reis"

Beijinhos.
Bom domingo.

Isabel José António disse...

Querida Rosa Dourada,

Amo Lisboa e todas as formas de Arte destinadas a dá-la a conhecer são para mim dignas de louvor.

Lisboa tem, entre outras coisas fenomenais, uma "aura" especial e uma alegria imensa mas discreta.

Parabéns pelo post, um abraço.

Isabel

António Melenas disse...

Olá, Amiga,
Obrigado pela visita e comentário no meu blogue.
Vi es tse dois teus e achei ambos muito interessantes
Abraço

rosa dourada/ondina azul disse...

Olá pitanga,

Então conheces a cascata,
acontece aos melhores...

beijoca,

rosa dourada/ondina azul disse...

Olá maria,

Lisboa é uma cidade linda !

beijo,

rosa dourada/ondina azul disse...

Olá luna e neptuno,

obrigada,


beijo para os dois,

rosa dourada/ondina azul disse...

Olá Maria Valadas,

Obrigada, pelas palavras gentis.

Talvez o dia não estivesse muito claro, quando aqui passaste. Mas ainda bem que gostas das fotos.

Uma semana feliz!
beijoca,

rosa dourada/ondina azul disse...

Olá bom dia isabel,

Então faz boa viagem e passeia muito.

Beijo,

rosa dourada/ondina azul disse...

Olá kalinka,

Benvinda a este cantinho.
Eu também trabalhei muito anos em Lisboa.
Recuperaste com as mini-férias no Alentejo, ainda bem.
Irei visitar-te,

beijo

rosa dourada/ondina azul disse...

Olá Isabel,

Ainda bem que gosta. Penso que temos que divulgar sempre o melhor.

Abraço de amizade,

rosa dourada/ondina azul disse...

Olá antónio melenas,

Benvindo.

Abraço,

Isabel José António disse...

Querida Rosa Dourada,

Por favor venha ao nosso "Observatório". Deixei lá algo simples mas que penso que irá apreciar.

Abraço, Isabel

o alquimista disse...

Engraçado querida amiga, percorri estes sitios à poucos dias atrás...adoro Lisboa mas só durante alguns dias...


Doce beijo

Verde disse...

Cada gota é uma nota
Que seduz o coração
De quem ouve o marulhar
Escorrer em sua mão

Estalam as folhas no alto
No afago de suave vento
Alguma se irá soltar
Dando tom ao sentimento


Profético beijo

rosa dourada/ondina azul disse...

Olá Isabel,


Irei de seguida.
o que é simples é o melhor!

Abraço

rosa dourada/ondina azul disse...

Olá alquimista,

Lisboa tem um encanto especial, mas é verdade que o ritmo de vida é muito agitado.

Beijo,

rosa dourada/ondina azul disse...

Olá verde,

Obrigada pelo poema.

Beijo