02/03/2012

Ser poeta



foto:net

Ser poeta é ser mais alto, é ser maior
Do que os homens! Morder como quem beija!
É ser mendigo e dar como quem seja
Rei do Reino de Áquem e de Além Dor!

É ter de mil desejos o esplendor
E não saber sequer que se deseja!
É ter cá dentro um astro que flameja,
É ter garras e asas de condor!

É ter fome, é ter sede de Infinito!
Por elmo, as manhãs de oiro e de cetim...
É condensar o mundo num só grito!

E é amar-te, assim, perdidamente...
É seres alma, e sangue, e vida em mim
E dizê-lo cantando a toda a gente!

Deixo-vos com a poesia de Florbela Espanca,
com votos de Lindo e Bom fim-de-semana,

Rosa dourada

7 comentários:

Anónimo disse...

já viste que vai estrear dia 8/3 o filme? ve no youtube o trailer. beijo

di

rosa dourada/ondina azul disse...

Olá Di,

Obrigada pela informação, porque não sabia...

Beijo,

poetaeusou . . . disse...

*
ser poeta,
é ser Sophia,
é ser Espanca,
é ser Natália,
é ser M.V. de Carvalho !
,
poéticas conchinhas,
,
*

Sonhadora disse...

Minha querida

Desejo que todos os teus dias...se vistam de amanhecer
Que a tua alma seja inundada de paz...amor e esperança
Que a felicidade encha de alegria o caminho a percorrer
Sorri sempre à vida...e nunca te esqueças de ser criança

Feliz dia da Mulher
Um beijinho com carinho
Sonhadora

rosa dourada/ondina azul disse...

Olá poetaeusou,

de poetas todos teremos um pouco,
e poeta és tu?

Marés poéticas,

rosa dourada/ondina azul disse...

Olá sonhadora,

Que os teus dias,
sejam sempre belos,
e iluminados !

Beijo com amizade,

Sónia Silva disse...

Sabes...
Não me canso nunca deste poema da Florbela!
(E é verdade que o "oiço" nas letras que vejo, com essa voz forte do Represas - que mais a deu a conhecer a quem não lê as letras dos nossos poetas...)
abraço, saudades.